Estilo folk invade a moda outono/inverno! Veja as dicas para usar


Estilo folk invade a moda outono/inverno! Veja as dicas para usar
REPRODUÇÃO/PINTEREST; MASSONSTOCK/ISTOCK

Franjas, estampas coloridas e chapéus de vários formatos, essas são apenas algumas das características do FOLK que já começam a invadir as lojas para a temporada de inverno. Com pegada étnica, materiais naturais e muito charme, a tendência promete conquistar e continuar em alta por muitas estações. Conheça esse estilo e saiba incluir já no guarda-roupa.
É muito comum ter dificuldade em definir se uma peça é ou não folk, já que ele, na verdade, é uma mistura de vários estilos. “É UMA REUNIÃO DE ROUPAS E REFERÊNCIAS ÉTNICAS, muito parecido com o HIPPIE, em que temos materiais naturais, cores terrosas e quentes, franjas e estampas com essa leitura”, explica a consultora de moda e estilo ANA VAZ. Os florais mais pesados, com muito vermelho e cores vivas, também continuarão e fazem parte dessa moda.

Franjas, tricô e estampas de flores. Fotos: Tuned_in/iStock; Merydolla/iStock; Reprodução/Pinterest

Por sua mistura de tons e formas, o estilo combina principalmente com quem deseja passar uma personalidade ousada e descontraída, sem medo de errar: “TEM MUITO A VER COM QUEM GOSTA DE UM VISUAL MAIS CRIATIVO E NATURAL, até por conta dos materiais. Está muito distante do clássico”.
AS PEÇAS-CHAVE
E quais são as peças em que vale a pena investir? “Roupas com franjas, COLETES, PEÇAS EM CAMURÇA, PENAS, CHAPÉUS E MAXI BIJUTERIAs em prata ou ouro velho não devem ficar de fora do guarda-roupa. A CARTELA DE TONS TERROSOS, MARSALA, VERDE ESCURO E AZUL MARINHO também”, indica a consultora de moda LARI DUARTE. Os tricôs, que vêm com cada vez mais tecnologia e estampas diferenciadas, também são aposta certeira.

“Os acessórios são mais trabalhados e tem mais peso, com uma cara até indiana. Mas O MOMENTO É DO CHAPÉU e quem quer começar a usar terá muitas opções de compra”, garante Ana. Bem dentro do folk, eles aparecerão em materiais maleáveis e cores como o vinho, preto e marrom. “Para quem não está acostumada É MAIS FÁCIL APOSTAR EM CHAPÉUS MAIS PRÓXIMOS A COR DO CABELO, que não aparecem tanto”, completa.  

COMO USAR
“O FOLK É EXTREMAMENTE MARCANTE, então dependendo da quantidade de peças usadas você pode parecer caracterizada. É legal misturar com itens mais modernos. O MILITAR, que também está de volta, casa muito com o folk e é mais estruturado e masculino, então pode render uma ótima combinação”, aconselha Ana.

Chapéus e bolsa com tendência folk. Fotos: Massonstock/iStock; Reprodução/Pinterest; misuma/iStock
PARA O TRABALHO, O IDEAL É INVESTIR NA CARTELA TERROSA, e explorar os detalhes. “Essas cores são elegantes e trazem seriedade para a produção, e as maxi bijuterias podem ser usadas, assim como as pantalonas, que podem ser facilmente integradas ao look para o escritório”, garante Lari.
Em momentos formais, o jeito é combinar um item com peças mais sóbrias e clássicas. “VOCÊ PODE PENSAR NOS ANÉIS, NOS LOOKS ARREMATADOS COM CINTO, OU ATÉ NUMA BOLSA que tenha um formato estruturado, mas com essa estampa étnica”, aponta Ana.

Em passeios casuais, o QUIMONO e o TOP CROPPED, hits desse verão, podem ser misturados com as peças que você adquirir para o inverno. “ESCOLHA NO MÁXIMO DOIS ITENS NO ESTILO FOLK PARA FAZER PARTE DA PRODUÇÃO. Antes de sair, dê uma olhada no espelho e veja se não existem excessos no visual e pense no que pode ser retirado”, adverte Lari. Tudo se encaixou? Então basta aproveitar o passeio com muito estilo.
 Fonte: Daqui Dali

1 comentários:

Postar um comentário

Muito obrigada pela sua visita, volte sempre. Se tiver um blog e site, deixe abaixo no comentário!!!
Bjs!!!